13/07/2021 às 14h34min - Atualizada em 13/07/2021 às 14h34min

​REPRESENTANTES DA ONU AVALIAM TROPAS DO EXÉRCITO EM CASCAVEL

O Ministro da Defesa, General Braga Netto e o Comandante do Exército, General Paulo Sergio, participaram do evento

Clic Paraná
Jheynefer Camargo
Ministro da Defesa, General Braga Netto e o Comandante do Exército, General Paulo Sergio.

O Comando da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada (15ª Bda Inf Mec) está recebendo, desde ontem dia 12 e 13 de julho, a visita de uma comitiva da Organização das Nações Unidas (ONU) com a intenção de avaliar, assessorar e certificar as tropas do Exército Brasileiro a fim de possível inclusão no Sistema de Prontidão de Capacidades de Manutenção da Paz desse organismo internacional (UNPCRS – sigla em inglês). 

Essa inserção sistêmica possibilita ao Estado brasileiro colocar à disposição da ONU tropas do Exército Brasileiro para serem empregadas em missões de paz sob a égide dessa organização intergovernamental. 

Hoje dia 13,  11h às 12h, iniciou-se a avaliação do batalhão de infantaria mecanizado, composto por 800 militares (homens e mulheres), com exposição de material de emprego militar no pátio do 33º Batalhão de Infantaria Mecanizado (Rua 25 de Agosto, 285 Região do Lago, Cascavel).

À tarde, das 15h às 15h30 na área do Show Rural Coopavel (BR-277 Km 577), o batalhão será avaliado por meio de oficinas que simularão problemas militares semelhantes aos ocorridos em regiões de conflito, empregando material, equipamento e viaturas blindadas e mecanizadas. 

Participaram hoje, (dia 13) da avaliação, representantes civis e militares da ONU, o Ministro das Relações Exteriores, o Ministro da Defesa, o Comandante do Exército, Chefe do Estado-Maior do Exército e o Comandante de Operações Terrestres do Exército Comandante Militar do Sul.

O  Ministro da Defesa, General Braga Netto e o Comandante do Exército, General Paulo Sergio, concederam entrevista  descrevendo a ação.



Extrato histórico de emprego de tropas do EB em missões de paz da ONU - Enviou cerca de 6.300, entre 1957 e 1967, em forma de rodízio semestral, na Primeira Força de Emergência das Nações Unidas (UNEF I), entre a região do Sinai e Faixa de Gaza. - Para Moçambique, em 1993, foi enviada uma companhia de infantaria (cerca de 170 militares) - Entre 1995 e 1997, com a intenção de auxiliar Angola a restaurar a paz e alcançar a reconciliação nacional, o Brasil enviou para o país africano mais de 3.300 militares do EB. - De 2004 a 2017, o país contribuiu com mais de 37.000 militares para as operações de paz no Haiti - MINUSTAH (Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti).


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...