10/08/2020 às 11h19min - Atualizada em 10/08/2020 às 11h19min

Uso de máscara e álcool em gel requer atenção especial com a pele

Tem aumentado casos de “maskne”, tipo de acne associada ao uso da máscara, durante a pandemia

Clic Paraná
Camila Agner Corazza
Imagem Ilustrativa - FreePik
Com a pandemia do novo Coronavírus, dois itens entraram para ficar na rotina dos brasileiros: máscara e álcool em gel. Ao mesmo tempo, porém, em que desempenham papel primordial na prevenção e combate à COVID-19, ambos podem causar problemas dermatológicos e, por isso, há necessidade de uma atenção especial com a pele.

No caso do álcool em gel, quando o utilizamos eliminamos os microorganismos presentes em nossas mãos. Entretanto, além de degradar as proteínas destes micróbios, ocorre o comprometimento de nossa camada de gordura natural e redução da umidade habitual da pele, o que leva ao ressecamento.

“Associado ao uso do álcool em gel, devemos intensificar a rotina de hidratação da pele, pois uma boa rotina de cuidados mantém a integridade da camada de proteção cutânea e evita este tipo de problema. Se sentir as mãos ressecadas, pode, por exemplo, utilizar um sabonete hidratante, para auxiliar na reparação.”, explica o dermatologista, Fernando Henrique Alves, sugerindo ainda a procura por álcool em gel que contenham glicerina.

Já as máscaras têm gerado um tipo de acne que recebeu um nome próprio: maskne. “Essa acne ocorre pois a máscara, além de irritar a pele devido ao contato direto, auxilia no aumento da umidade e oleosidade na região, propiciando o surgimento das tão indesejadas acnes”, pontua Fernando Henrique Alves.

“O uso de produtos para o cuidado da pele se torna indispensável nessa situação, mantendo a pele limpa e hidratada, com os cosméticos indicados a seu tipo de pele por seu dermatologista. É importante também manter a higiene de sua máscara, lavando-a e secando após o uso”, destaca o dermatologista, Fernando Henrique Alves.

Máscaras confeccionadas em algodão são as mais indicadas para evitar irritações na pele. Caso perceba-se um agravamento nas irritações, sejam as provocadas por álcool em gel ou pelo uso de máscara, um dermatologista de confiança deve ser procurado.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...