09/06/2020 às 17h00min - Atualizada em 09/06/2020 às 17h00min

Emenda de R$ 521 mil de Pacheco é liberada para conclusão de ampliação do Pronto-Socorro do HU em Cascavel

Obras devem ser retomadas nos próximos dias e nova ala irá reforçar atendimento ao coronavírus

Clic Paraná
Assessoria
Obras estão paradas desde 2018; Nova estrutura terá 27 leitos de urgência e emergência
A tão esperada reforma e ampliação do Pronto-Socorro do Hospital Universitário (HU) de Cascavel está na reta final. A emenda de R$ 521.540,81 do deputado Marcio Pacheco (PDT) acaba de ser liberada por meio de convênio assinada entre a Universidade Estadual do Oeste (Unioeste) e a Secretaria Estadual de Saúde. As obras devem ser retomadas nos próximos dias. 
“É mais um passo dado rumo à conclusão dessa obra, que é muito importante para a saúde pública de Cascavel e também de toda a região oeste do Paraná”, afirma Pacheco. O deputado é o autor da emenda que permitiu a retomada das obras, que estavam paradas desde 2018. 

Na semana passada, o convênio entre a Secretaria de Estado de Saúde e a Unioeste foi celebrado, permitindo a liberação da emenda parlamentar de R$ 521.540,81 para a construtora Brock Ltda, empresa responsável pela ampliação do Pronto-Socorro do HU.

De acordo com o reitor da Unioeste, Alexandre Webber, o dinheiro já está liberado e a equipe de convênios da universidade acerta os últimos detalhes burocráticos para a emissão de notas fiscais e os pagamentos retroativos para a empresa. 

A expectativa, segundo ele, é a retomada dos serviços nos próximos dias. Para o deputado, a reinício das obras precisa ser comemorado. “Quem precisa de atendimento médico conta no relógio os minutos para a conclusão dessa importante ampliação do Pronto-Socorro do HU de Cascavel, que depois de pronto irá atender a comunidade, prestando um serviço de qualidade e oferecendo melhores condições de trabalho aos profissionais de saúde. Por isso, precisamos valorizar essa importante conquista”, ressalta Pacheco.

A intenção da direção do HU é colocar em operação o Pronto-Socorro imediatamente, servindo também como apoio ao atendimento aos pacientes da Ala Covid-19 do hospital. 

98% das obras executadas

O novo Pronto-Socorro do HU de Cascavel está com 98% das obras executadas. Os trabalhos iniciaram em 21/01/2015, mas foram paralisados no fim de 2018. O prédio ficou praticamente pronto, mas a construtora não entregou a obra. 
Na ocasião, a empresa cobrou do Governo do Estado o repasse de R$ 474.694,34, valor que seria oriundo de ajuste do contrato. 
Desde então, criou-se um impasse em relação ao valor e ao término do novo Pronto-Socorro.

O caso só foi resolvido neste ano com a emenda do deputado Pacheco para a conclusão das obras, que já consumiram cerca de R$ 2,6 milhões de recursos do Estado. O novo Pronto-Socorro terá uma área de 1.428 metros quadrados e 27 leitos de enfermaria em urgência e emergência – hoje são apenas 5 leitos.

Com a nova estrutura, a unidade terá capacidade para ampliar o seu atendimento diário, que é de 200 pacientes/dia. Com isso, a expectativa é desafogar o sistema público municipal, sobretudo nas UPAs (Unidades de Pronto-Atendimento).
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...