11/08/2022 às 15h52min - Atualizada em 12/08/2022 às 00h00min

Concred debate inclusão financeira e futuro do cooperativismo no Brasil

O maior congresso de cooperativistas de crédito da América Latina reúne mais de 5 mil participantes e tem intensa programação até sexta-feira, em Pernambuco, O encontro acontece no momento em que o setor cresce exponencialmente no Brasil, com a abertura de 1,3 novas agências e se consolida como a maior rede de atendimento do Sistema Financeiro Nacional

DINO
http://www.confebrasdigital.coop.br
Abertura de 14º Concred reúne 2,7 mil participantes no Recife


O Recife é sede da 14ª edição do Congresso Brasileiro de Cooperativismo de Crédito -Concred, até sexta-feira (12). O maior encontro da categoria na América Latina acontece presencialmente, após dois anos de pandemia, ocupa todo o Centro de Convenções de Pernambuco e reúne, de forma híbrida, mais de 5 mil participantes. A programação foi aberta na noite da quarta-feira (10.08) pelo presidente da Confebras, Moacir Krambeck, anfitrião do evento, com a participação do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto e do diretor e presidente do Sebrae Carlos Melles, além de outras autoridades e lideranças do sistema financeiro e cooperativista.

O encontro acontece em um momento marcante para o cooperativismo de crédito. Com quase 10% de representação no Sistema Financeiro Nacional, o setor tem crescido exponencialmente nos últimos anos e deve ganhar ainda mais representatividade em um novo cenário. Em julho, o Senado aprovou por unanimidade o projeto de lei complementar que vai promover a reformulação do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo, o PLP 27/2020. O Projeto atualiza os termos da Lei Complementar 130/2009.

Na iminência de ser sancionado pelo presidente da república, as mudanças sugeridas pelo PL garantem mais segurança jurídica nas perspectivas de atividades e negócios; organização sistêmica; e gestão de governança do modelo de cooperativismo de crédito vigente no Brasil. Após a sanção, vai permitir, entre outras mudanças, a gestão de recursos oficiais ou de fundos públicos ou privados por cooperativas de crédito, contanto que sejam para concessão de garantias aos associados em operações com a própria cooperativa gestora ou com terceiros.

É mais um marco do setor que está em curso no País. O PLP 27/2020 e as mudanças que ele prevê foram mote da maioria dos discursos de abertura do CONCRED: “Temos grande expectativa em relação ao setor cooperativista. Acreditamos no que estamos construindo”, declarou o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. O BC, inclusive, acaba de lançar uma trilha de conhecimento para servidores e uma cartilha básica, que serão disponibilizadas para quem se interessar em saber mais sobre a dinâmica do cooperativismo de crédito no Brasil. A democratização e inclusão financeira foram defendidas como bandeiras do SFN, com a citação de exemplos de iniciativas recentes como o PIX e o Open Finance, pelo diretor de Fiscalização do BC, Paulo Sérgio Neves de Souza.

Futuro e essência do cooperativismo

 O tema central do congresso é “Futuros Plurais e a Essência Humana: horizontes do Cooperativismo Financeiro rumo à Sociedade 5.0”. Serão 62 palestrantes tratando sobre temas atuais e tendências, como inovação, governança, inclusão, diversidade, tecnologia, liderança, sustentabilidade e ESG. “O Concred leva a mensagem mais importante do segmento: as cooperativas são feitas por pessoas e para pessoas”, pontua o presidente da Confebras, Moacir Krambeck.

O evento também celebra os 120 anos do cooperativismo de crédito no Brasil, com uma exposição desenhada especialmente para marcar a data. “O Congresso pretende ser um divisor de águas na história do cooperativismo, especialmente pela sua realização na região Nordeste”, aponta Krambeck. O Nordeste tem 33% dos municípios do Brasil e apenas 12% são assistidos por cooperativas. Os números demonstram que a Região ainda tem muito potencial de expansão. No Brasil, são mais de 14,6 milhões de cooperados (entre pessoas físicas e jurídicas) e 818 cooperativas singulares, com mais de 8 mil pontos de atendimento.

O 14º Concred é realizado pela Confebras em parceria com o Sicoob Central Nordeste e com apoio do Sistema OCB-PE. 

14º Concred tem Selo Evento Neutro e Selo Resíduo Zero

A 14ª edição do Congresso Brasileiro de Cooperativismo de Crédito tem os selos Evento Neutro e Resíduo Zero, concedidos pela Eccaplan, além da diversidade de talentos contratados para atuar durante toda a programação. À frente da organização do evento, a Confederação Brasileira das Cooperativas de Crédito transforma em práticas a preocupação com o social, com a governança colaborativa e com o meio ambiente, pilares do segmento para os próximos anos.

Esse compromisso aparece também em outras ações, como na escolha do material distribuído aos participantes. Todos os congressistas receberão ecobags produzidas pelo projeto Roda Design Circular, de Recife. As bolsas estão sendo produzidas por mulheres que trabalham com upcycling ou reutilização criativa, a partir de resíduos da indústria têxtil e automotiva ou peças de vestuário descartadas.

Outro projeto sociocultural apoiado pelo 14º Concred é o Movimento Pró-Criança, que realiza ações educativas e culturais para crianças e adolescentes, e já beneficiou mais de 40 mil pessoas da Região Metropolitana de Recife. Jovens que participam do Movimento estarão no Espaço Integração Juventude, participando de uma programação especial e gratuita no Concred voltada ao público com idade de 16 a 35 anos.

Diversidade de talentos

A Confebras também se dedicou em montar uma equipe de profissionais contratados que representasse o talento da diversidade. São pessoas  etnias e orientações sexuais, diferentes identidades de gênero, além de cadeirantes, portadores de deficiências e síndromes. Painéis no Centro de Convenções de Pernambuco, local do evento, lembram que a sustentabilidade e a responsabilidade social têm tudo a ver com o desenvolvimento do cooperativismo.

Concred Verde

O impacto no meio ambiente gerado pelo evento será compensado com gestão de resíduos e neutralização de carbono. Toda emissão de CO2 será quantificada e neutralizada por conta da Confebras e todos os resíduos produzidos durante o congresso serão enviados para a reciclagem, que será feita pela cooperativa de catadores Pró-Recife, junto com o Movimento Sou Resíduo Zero da Eccaplan.

Essas ações juntas fazem do Concred um evento que promove a conscientização e trabalha pela responsabilidade e governança socioambiental. “Queremos deixar deixar nosso legado para o universo”, resume a superintendente da Confebras, Telma Galletti.

A programação completa do evento está disponível no site: www.confebrasdigital.coop.br.

A imprensa pode ter acesso gratuito à programação inscrevendo-se pelo link:  https://conteudo.confebras.coop.br/credenciamento-imprensa-14-concred





Website: http://www.confebrasdigital.coop.br
Notícias Relacionadas »
Comentários »